PRÊMIO NACIONAL DO TURISMO

Iniciativas desenvolvidas no Rio de Janeiro, Minas Gerais e Pernambuco favorecem a união entre o segmento e atividades de base local

 Por André Martins, com informações da Prefeitura de Petrópolis (RJ), da Associação do Circuito Turístico das Pedras Preciosas (MG) e da Prefeitura de Olinda (PE)

06-01-19 PRÊMIO TURISMO - VENCEDORES PRODUÇÃO ASSOCIADA - CRÉDITO ROBERTO CASTRO MTUR.jpg

 Vencedores do 2º Prêmio Nacional do Turismo foram anunciados no início de dezembro. Crédito: Roberto Castro/MTur

Promover a integração de atributos regionais à cadeia de valor do turismo, de forma a aprimorar a experiência de visitantes em destinos brasileiros. Este é o objetivo comum que une três iniciativas reconhecidas no 2º Prêmio Nacional do Turismo na categoria Produção Associada ao segmento, cujos vencedores foram anunciados no início de dezembro na capital mineira, Belo Horizonte.

O primeiro lugar na área coube ao Passeio Histórico, Cultural e Gastronômico com o Chef, idealizado por Dann Mattos, de Petrópolis (RJ). Proprietário do Le Coq Bar & Bistrô, o especialista usa produtos locais nos pratos e organiza visitas a pequenos fábricas de queijos, doces e bebidas, além de atrativos da Estrada Real. “Tenho orgulho de poder usar a gastronomia para contribuir para mudar a realidade da comunidade rural”, comemora o chef.

A segunda posição foi conquistada pelo Circuito Sapucaí de Gastronomia e Arte, cenário, desde 2017, de um festival que valoriza a culinária e a cultura dos vales do Jequitinhonha e do Mucuri (MG). Sérgio Soares, presidente da Associação do Circuito Turístico das Pedras Preciosas, promotora do evento, destaca o potencial do encontro. “O ‘Arte e Sabor’ já foi realizado em 23 municípios, movimentou mais de R$ 400 mil e atraiu mais de 50 mil indivíduos”, relata.

Já o Festival da Tapioca de Olinda (PE) ficou com o terceiro lugar. Organizado conjuntamente pelo poder público e a iniciativa privada, o evento permite degustar a iguaria e movimenta cerca de R$ 2 milhões em três dias, oferecendo ainda aulas gastronômicas e artesanato. “Passamos a fazer parte do calendário nacional e internacional, enaltecendo o belo trabalho das tapioqueiras e toda a nossa riqueza cultural”, enaltece o secretário-executivo de Turismo de Olinda, Uyrandei Lemos.

A 2ª edição do Prêmio, realizada pelo Ministério do Turismo em parceria com o Conselho Nacional de Turismo, reconhece iniciativas e profissionais inovadores, que tenham contribuído significativamente para a expansão do segmento (Conheça aqui todos os trabalhos). Além de aclamar ações, a seleção busca estimular a multiplicação de boas práticas, como forma de aperfeiçoar o mercado de viagens. O anúncio dos vencedores ocorreu durante a 1ª Semana Nacional do Turismo, realizada de 3 a 6 de dezembro em Belo Horizonte.

Edição: Rafael Brais

Leia mais: http://www.turismo.gov.br/%C3%BAltimas-not%C3%ADcias/13266-pr%C3%AAmio-reverencia-a%C3%A7%C3%B5es-que-refor%C3%A7am-a-produ%C3%A7%C3%A3o-associada-ao-turismo.html