Coletiva de imprensa foi realizada na DP de Lajeado com Major Abreu, da BM, e delegados Reis e Moreno, da Polícia Civil Foto: Rafael Scheeren Grün Coletiva de imprensa foi realizada na DP de Lajeado com Major Abreu, da BM, e delegados Reis e Moreno, da Polícia Civil

Realizada no início da manhã desta terça-feira (18/02), a 12ª Operação Integrada do Pacto Lajeado pela Paz, denominada de Operação “Pax”, resultou na apreensão de três veículos, valores monetários, balanças de precisão, documentos e uma prisão preventiva.

Coordenada operacionalmente pela Delegacia de Polícia de Lajeado, com apoio da inteligência e força tática da Brigada Militar (BM), a Operação Pax teve a participação de 52 policiais civis e militares, e buscou cumprir 13 ordens judiciais, sendo 9 mandados de busca e apreensão, 1 mandado de prisão preventiva, e 3 mandados de prisão temporária. A operação contou com apoio dos Fiscais da Trânsito, vinculados à Secretaria de Segurança Pública (Sesp) de Lajeado e da equipe da Equipe da Polícia Rodoviária Federal de Lajeado.

Conforme o delegado Marcio Moreno, a operação teve o objetivo de prevenir os homicídios vinculados ao crime organizado, sendo uma resposta aa quantidade acima da média de homicídios consumados e tentativas ocorridas nos meses de dezembro de 2019, janeiro e fevereiro de 2020 no município. “É intolerável que ocorram tantos homicídios em Lajeado e estamos trabalhando para prender mandatários, executores e partícipes desses crimes”, afirmou Moreno, em coletiva de imprensa realizada na DP de Lajeado, que contou com a participação do delegado regional José Romaci Reis e do comandante do 22º Batalhão de Polícia Militar da BM, major Marcelo de Abreu Fernandes, após a deflagração da operação.

Hoje, as buscas foram realizadas nos bairros Planalto, Conservas, Montanha e Bom Pastor. No transcorrer das investigações, iniciadas em dezembro de 2019, apurou-se a participação de organização criminosa na logística e execução de crimes contra a vida. No total, seis indivíduos envolvidas diretamente na preparação e execução de homicídios já foram presas. O objetivo dessa fase investigatória é efetivar as demais ordens de prisão, bem como apreender objetos e armas utilizadas pelo grupo criminoso.

O Pacto Lajeado Pela Paz

A 12ª operação integrada faz parte do conjunto de ações do Pacto Lajeado Pela Paz, que está dividido em dois eixos: prevenção, com atuação nas áreas de educação, saúde, assistência social e cultura, e aplicação da lei. Elas têm o objetivo de melhorar a sensação de segurança no município, reduzir a perturbação do sossego (uma das principais reclamações dos munícipes), as brigas e ameaças, e aumentar a apreensão de armas de fogo.

O Pacto Lajeado Pela Paz prevê operações integradas a serem realizadas periodicamente no município, abrangendo todos os bairros, e promovendo uma maior segurança e bem-estar à população.

Texto e foto: Rafael Scheeren Grün

Leia mais: http://www.lajeado.rs.gov.br/?titulo=12ª Operação Integrada do Pacto Lajeado pela Paz resulta em prisão, busca e apreensão&template=conteudo&categoria=892&codigoCategoria=892&idNoticia=10004&tipoConteudo=INCLUDE_MOSTRA_NOTICIAS