INFRAESTRUTURA

Representante do governo federal Marcelo Álvaro Antônio fez visitas técnicas na cidade e liberou quase R$ 1 milhão para sinalização turística

Por Rafael Brais

ministro pedra do sal.jpg

Representante do governo federal conheceu pontos turísticos da Parnaíba, como a praia da Pedra do Sal. Crédito: Roberto Castro/MTur

O ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, participou nesta sexta-feira (14.02), em Parnaíba (PI), de agenda institucional para ouvir demandas do município e debater ações para estimular o progresso turístico da cidade. Durante a viagem, o ministro anunciou a liberação de R$ 970 mil para a implantação e reforma de sinalização turística na cidade.

Pela manhã, o ministro teve um encontro com o trade turístico e com autoridades do segmento para tratar da estruturação local. Participaram da audiência o prefeito de Parnaíba, Mão Santa; a secretária de Infraestrutura, Habitação e Regulação Fundiária, Maria das Graças Moraes Souza Nunes; o presidente da Federação das Indústrias do Estado do Piauí – FIEPI, Zé Filho; o presidente do Banco do Nordeste, Romildo Rolim; o diretor de Desenvolvimento e Ordenamento da Pesca, Jairo Gund; o assessor especial da Presidência da República, Mousart Aragão Pereira; o diretor de Gestão Corporativa da Embratur, Carlos Alberto Gomes de Brito; e o diretor de Marketing, Inteligência e Comunicação da Embratur, Osvaldo Matos de Melo Júnior; o deputado estadual Henrique Pires.

Durante discurso, o ministro comentou sobre o acesso aos pontos turísticos da região e a importância da melhoria da infraestrutura para o progresso turístico de Parnaíba. Além disso, ouviu uma série de demandas apresentadas pelo município. “Agora vamos trabalhar uma a uma, estudando a possibilidade de viabilizar a melhora da infraestrutura turística aqui na Parnaíba. Os acessos aos pontos turísticos são fundamentais para que a gente possa desenvolver o segmento”, afirmou.

O prefeito de Parnaíba, Mão Santa, agradeceu a presença do ministro na cidade e destacou a importância de investimentos para transformar a cidade em referência turística. “Vamos ser uma nova Petrolina (PE), com rede hoteleira e aeroporto estruturados. Temos todas as condições para isso“, disse.

Após a cerimônia, a comitiva realizou visitas técnicas a pontos turísticos de Parnaíba. Eles passaram pela Praia da Pedra do Sal e conheceram a Lagoa da Prata e a Lagoa do Portinho.

ATRAÇÃO TURÍSTICA – Parnaíba é a principal porta de entrada para o Delta do Parnaíba (onde o rio encontra o mar), único delta em mar aberto das Américas e o terceiro maior do mundo – atrás apenas dos rios Mekong (Vietnã) e Nilo (África). O arquipélago de 2.700 quilômetros quadrados é formado por mais de 70 ilhas. Além disso, a cidade piauiense está contemplada no programa Investe Turismo e faz parte da “Rota das Emoções”.

Já a Área de Proteção Ambiental (APA) Delta do Parnaíba foi criada em agosto de 1996, possui uma área de extensão de 307.590,51 hectares e abrange três estados do Nordeste: Piauí, Maranhão e Ceará, percorrendo todo litoral piauiense.

Edição: Vagner Vargas

Leia mais: http://www.turismo.gov.br/%C3%BAltimas-not%C3%ADcias/13347-em-parna%C3%ADba%2C-minist%C3%A9rio-do-turismo-anuncia-investimentos-em-estrutura%C3%A7%C3%A3o.html