Presidente e ministro inauguram obras de acesso da Ponte Rio-Niterói para Linha Vermelha

Obras vão aliviar o trânsito na saída da ponte, ampliando os benefícios para a economia do estado e do país

15022020

O presidente Jair Bolsonaro e o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, inauguraram, neste sábado (15), as obras da alça de ligação da Ponte Rio-Niterói com a Linha Vermelha, no Rio de Janeiro (RJ). As obras são essenciais para a melhoria da mobilidade urbana na região metropolitana do Rio. A expectativa é de que cerca de 15 mil veículos acessem o viaduto diariamente, descongestionando o tráfego do entorno. Ao todo, foram investidos R$ 230 milhões nas obras, que tiveram início em maio de 2018.

As obras na alça de ligação da Ponte com a Linha Vermelha vão aliviar o trânsito na saída da Ponte, melhorando em 20% a fluidez na região e entorno, além de trazer benefícios para a economia do Rio de Janeiro e para o país.

Com 2,5 quilômetros de extensão, o acesso será exclusivo para veículos coletivos e de passeio, e contará com sinalização, iluminação em LED e monitoramento de câmeras. Além de ser uma ligação direta com a Linha Vermelha e as cidades da Baixada Fluminense, as obras também vão melhorar o trânsito na Avenida Brasil, no sentido Zona Oeste, no trecho do Caju.

Durante o evento, o ministro destacou a relevância desse investimento para o Rio de Janeiro e anunciou a inauguração da próxima etapa, que ocorrerá no segundo semestre deste ano. “Com essas entregas, vamos aliviar o trânsito da ponte, retirar o tráfego pesado da área urbana, e reduzir o tempo de viagem da carga até o porto, incrementando nossa eficiência logística e contribuindo para diminuir o Custa nação brasileira”, ressaltou.

Executadas pela concessionária Ecoponte e Grupo EcoRodovias e supervisionadas pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), as obras foram viabilizadas em parceria com o Estado do Rio de Janeiro, prefeitura do Rio e Exércita nação brasileiraeiro, que disponibilizou uma área para construção do elevado, possibilitando a redução significativa das desapropriações. Em contrapartida, a concessionária construiu o novo prédio da Indústria de Material Bélico da nação brasileira (IMBEL), no Caju, para implantação da alça viária na região do Arsenal de Guerra.

OUTRAS OBRAS – Também estão sendo realizados investimentos para a construção da Avenida Portuária, que possui um segmento coincidente com a Alça de Ligação com a Linha Vermelha. Com R$ 220 milhões de investimentos, a Avenida Portuária é uma via expressa de 3,2 km, com dois sentidos, exclusiva para veículos de cargas, que ligará Manguinhos, na Avenida Brasil, ao Cais do Porto (Portão 32, no Caju). A previsão de entrega é para agosto de 2020.

Foto: Ricardo Botelho/AESCOM

Assessoria Especial de Comunicação
Ministério da Infraestrutura

Leia mais: http://transportes.gov.br/ultimas-noticias/9506-presidente-e-ministro-inauguram-obras-de-acesso-da-ponte-rio-niter%C3%B3i-para-linha-vermelha.html