A Estratégia de Saúde da Família recebeu o apoio dos líderes Foto: Pietra Darde - Lajeado - A Estratégia de Saúde da Família recebeu o apoio dos líderes

Na manhã desta sexta-feira, 06/03, os profissionais da Estratégia de Saúde da Família (ESF) Conservas estiveram reunidos com líderes comunitários do bairro na própria unidade. No encontro, o grupo debateu sobre os diversos episódios de violência que vêm ocorrendo no local e planejaram ações para melhorar o relacionamento entre unidade e comunidade. A ESF Conservas, que teve suas atividades paralisadas nesta sexta-feira, volta a funcionar normalmente a partir de segunda-feira, 09/03.

 

Participaram da reunião o titular da Secretaria da Saúde (Sesa), Cláudio Klein, a coordenadora da Atenção Básica, Nilse Gemelli, a coordenadora da Justiça Restaurativa do Pacto Lajeado pela Paz, Tânia Rodrigues, funcionários da ESF, moradores, presidentes de clubes e de Igrejas, diretoras das escolas próximas, da Univates e da Brigada Militar por meio da Força Tática.

 

“Em reuniões como essa que conseguimos ouvir as demandas, interagir e nos entender, e esse é o nosso objetivo aqui”, disse o titular da Sesa, Claudio Klein, ao grupo.

 

Seguindo os valores e princípios da Justiça Restaurativa, os participantes se reuniram em círculo. A conversa, que iniciou com a apresentação dos presentes, seguiu com os relatos de violência que vem ocorrendo desde o ano passado. Conforme a enfermeira coordenadora da ESF, Franciele Mattei, a unidade busca extinguir as situações de violência. “Todos na Unidade trabalham com amor e temos um carinho pelos pacientes. Mas as situações de violência se repetiram já várias vezes, como ofensas aos profissionais e também ameaças. Buscamos união para que essas situações não se repitam”, ressaltou Franciele.

 

A Estratégia de Saúde da Família recebeu o apoio dos líderes. Nas próximas semanas, o assunto será uma das pautas dos encontros com os pais nas escolas do bairro. De acordo com Tânia, a ideia também é de formar os líderes e os funcionários em facilitadores da paz, por meio do Curso de Círculos de Construção de Paz Não Conflitivos.