Confira as ações do governo do RS no combate ao coronavírus em 14 de abril

O governo do Estado segue trabalhando em ações para combater a pandemia do coronavírus. Confira as medidas anunciadas nesta terça-feira (14/4).

IPE Saúde passa a oferecer teleconsulta durante restrição de circulação
Como ação de contingência e com foco em garantir assistência aos usuários, além da implantação de diversos serviços por meio digital, o IPE Saúde anunciou a implantação do atendimento por teleconsulta. Cerca de 1 milhão de segurados e 7.400 médicos serão beneficiados. Ainda em caráter excepcional e temporário, o serviço dispensará a cobrança de coparticipação para o usuário. A ferramenta, desenvolvida em parceria com a Procergs, segue as diretrizes atualizadas para o segmento publicadas pelo Ministério da Saúde e pelo Conselho Federal de Medicina.
Clique aqui para acessar o serviço de teleconsulta no site do IPE Saúde.

Governo lança Observatório Covid-19 para reunir informações sobre coronavírus
O Observatório Covid-19, que integra o projeto Observatório da Inovação, foi lançado pela Secretaria de Inovação, Ciência e Tecnologia (Sict). A página centralizará as principais informações divulgadas e mapeadas pela Sict em relação ao novo coronavírus, como as cartas do comitê científico gaúcho, as lives do secretário Luís Lamb com especialistas e editais, financiamentos ou linhas de crédito em andamento para incentivo ao combate à Covid-19. Também estarão disponíveis os mapeamentos de iniciativas em universidades, ambientes de inovação e startups, além da plataforma de projetos do Inova RS.
Clique aqui para conferir o Observatório Covid-19.

Geolocalização é ferramenta eficaz para monitorar aglomerações durante pandemia
Em transmissão ao vivo pela internet, o governador Eduardo Leite apresentou o funcionamento da ferramenta de geolocalização, utilizada como meio de verificar se há aglomerações neste momento que é sugerido o distanciamento social para se evitar a disseminação do coronavírus.

Leite disse que, em nenhum momento, há monitoramento de informações a respeito dos usuários de celular. “A geolocalização identifica o perímetro onde o celular permanece à noite e compara, durante o dia, com a movimentação do aparelho, se permanece naquele perímetro ou muda de lugar”, explicou o governador.

No RS, observou-se, depois da implementação das políticas de restrições de atividades, adesão de 50% dos gaúchos monitorados ao distanciamento social. O pico, de 70% de adesão, foi registrado no primeiro fim de semana da recomendação, entre os dias 20 e 22 de março.

No feriado de Páscoa, o índice foi mais alto na sexta e no domingo e mais baixo no sábado. Na segunda-feira após o feriado o índice caiu – somente 46,9% respeitaram o distanciamento social.

Texto e edição: Secom