O prédio está sendo construído junto ao 22º Batalhão de Brigada Militar em Lajeado Foto: Pietra Darde - Lajeado - O prédio está sendo construído junto ao 22º Batalhão de Brigada Militar em Lajeado

A conclusão da obra do Centro de Comando Integrado Regional (CCIR), que está sendo construído junto ao 22º Batalhão de Brigada Militar em Lajeado, foi pauta de uma reunião na manhã desta terça-feira, 12/05. O evento reuniu prefeitos e autoridades municipais, Ministério Público, órgãos de segurança pública e entidades na sede do Grupo Independente, que também foi organizador do encontro.

Participaram da reunião o prefeito de Lajeado, Marcelo Caumo, a vice-prefeita Gláucia Schumacher, os prefeitos de Cruzeiro do Sul, Lairton Hauschild, de Estrela, Rafael Mallmann, de Arroio do Meio, Klaus Schnack, o promotor de justiça Carlos Augusto Fiorioli, o secretário de Segurança Pública (Sesp) de Lajeado, Paulo Locatelli, o coordenador de trânsito, Vinícius Renner, o comandante do Comando Regional do Vale do Taquari (CRPO-VT), tenente-coronel Luis Marcelo Gonçalves Maya, o comandante do 22º BPM da Brigada Militar, major Marcelo de Abreu Fernandes, da Polícia Rodoviária Federal, Jonathas Torres Júnior, e o representante da Associação Lajeadense Pró-Segurança Pública (Alsepro), Leo Katz.

Conforme o comandante do CRPO-VT, tenente-coronel Luis Marcelo Gonçalves Maya, o prédio está sendo erguido com recursos provenientes do Ministério Público do Trabalho, cujos recursos não serão mais repassados até o final da pandemia de coronavírus. Assim, o objetivo da reunião foi buscar apoio de outros municípios para que também possam aderir ao sistema de videomonitoramento e investir recursos para viabilizar a conclusão da obra, que ainda falta receber a última chapa, cobertura e acabamento.
 

“O CCIR facilitará a integração entre os municípios e os órgãos de segurança pública e também será importante para a segurança pública de todo o Vale do Taquari. Se interrompermos a obra, será difícil retomar e perderemos investimentos, que é o que ocorre com obras paradas”, explicou Maya.

O projeto arquitetônico do Centro, bem como os complementares, foram apresentados pelo major Marcelo de Abreu Fernandes. No local, que terá cerca de 500 metros quadrados divididos em três pavimentos, será instalada a Central de Videomonitoramento 24h, que hoje funciona provisoriamente junto ao 22º BPM. Já são espelhadas imagens de câmeras dos municípios de Santa Clara do Sul, Lajeado e Encantado.

Para o secretário de Segurança Pública (Sesp) de Lajeado, Paulo Locatelli o novo Centro busca otimizar a gestão organizacional, padronizando e integrando procedimentos operacionais. A Prefeitura de Lajeado disponibilizou máquinas para a preparação do terreno e outros materiais para a obra.