Coletânea de charges está disponível em mostra virtual

A mostra virtual Antes charge do que nunca está aberta ao público até o dia 27 de junho, por meio deste site. São 86 charges de artistas de diversos países.

As obras, que fazem parte do acervo do Salão Internacional de Humor de Piracicaba, abordam temas como degradação ambiental, como a tragédia do rompimento da barragem da Samarco em Mariana, em 2015, e críticas políticas e sociais, como corte nos direitos trabalhistas e na aposentadoria.

A mostra foi organizada pelo Centro Nacional de Documentação, Pesquisa e Divulgação do Humor Gráfico (Cedhu), departamento da Secretaria Municipal da Ação Cultural e Turismo (SemacTur) responsável pelo salão. O Salão Internacional de Humor de Piracicaba surgiu em 1974, durante o regime militar, a partir da iniciativa de um grupo de piracicabanos, entre eles jornalistas, artistas e intelectuais.

“Escolhemos trabalhos dos últimos dez anos do Salão. As charges retratam questões atuais e temporais, traçando a história em desenhos engraçados ou não. São obras fantásticas de artistas de todo o mundo”, disse Erasmo Spadotto, diretor do Cedhu. As obras trazem ainda o debate sobre política internacional e o uso das redes sociais.

A secretária da Ação Cultural e Turismo de Piracicaba, Rosângela Camolese, disse que o objetivo é “oferecer ao público, virtualmente, a chance de conhecer um pouco mais sobre o nosso rico acervo, composto por obras premiadas e selecionadas para a mostra principal das edições passadas”.

Créditos: Agência Brasil