Combate ao coronavírus

Ebserh e Covid-19: confira a situação nos hospitais universitários federais em 25 de maio

O informativo diário é comunicado no portal e nas redes sociais do Ministério da Educação

A Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) reforçou a linha de frente na luta contra o coronavírus. Mais de 1,3 mil profissionais temporários foram contratados para o enfrentamento da pandemia de Covid-19. Eles estão sendo alocados, conforme a necessidade dos hospitais da Rede.

Os dados são do boletim sobre as unidades nesta segunda-feira, 25 de maio. Os profissionais iniciaram a atuação após a publicação do edital para a contratação temporária de cerca de 6 mil profissionais.

Além do reforço de indivídual, a Ebserh também investiu em infraestrutura. A empresa pública, vinculada ao Ministério da Educação (MEC), possui 1.738 leitos para o atendimento e apoio a pacientes portadores de Covid-19.

As unidades da Ebserh possuem 1.659 pacientes com diagnóstico confirmado de Covid-19. São 8.754 pacientes com suspeita da doença nas unidades da empresa.

Atuação da Rede Ebserh – Desde os primeiros anúncios sobre a Covid-19, a Rede Ebserh tem trabalhado em parceria direta com os ministérios da Educação e da Saúde, tendo como diretrizes o monitoramento da situação no país e em suas 40 unidades hospitalares.

Em algumas regiões, as unidades da Ebserh têm atuado como hospitais de referência no enfrentamento à Covid-19, enquanto que em outras, atuam como retaguarda em atendimentos assistenciais para a população, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS).

Assessoria de Comunicação Social

Leia mais: http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_content&view=article&id=90541:ebserh-e-covid-19-confira-a-situacao-nos-hospitais-universitarios-federais-em-25-de-maio&catid=33481