Com foco no turismo doméstico, parques temáticos lançam campanha #ViajePeloBrasil

INICIATIVA

Movimento tem o objetivo de estimular e valorizar os destinos nacionais, bem como toda a cadeia produtiva da área na retomada do segmento

Por Victor Maciel 

04.06.2020_MATÉRIA_SINDEPAT.jpg

Campanha estimula os brasileiros a conhecerem os destinos nacionais. Crédito: Divulgação/Beach Park

O turismo doméstico é tema de mais uma campanha para estimular a retomada do segmento no país após o fim da pandemia do novo coronavírus. Coordenada pelo Sistema Integrado de Parques e Atrações Turísticas (SINDEPAT), a hashtag “Viaje Pela nação brasileira” tem o objetivo de estimular o turismo local e valorizar os destinos nacionais, bem como toda a cadeia produtiva da área. A iniciativa conta com a parceria de todas as entidades do segmento, incluindo Abav, Abear, ABIH e Braztoa.

Com um vídeo de cerca de um minuto, a campanha tenta despertar a vontade dos brasileiros em desbravar os atrativos locais, a pluralidade cultural do país, o sol e as praias, a gastronomia e todas as atrações que fazem do nosso país um dos celeiros turísticos. No fim de maio, o secretário-geral da Organização Mundial do Turismo (OMT), Zurab Pololikashvili, destacou as potencialidades turísticas da nação brasileira e como essa vocação será importante na recuperação do país após a pandemia do novo coronavírus.

Para o presidente do SINDEPAT, Murilo Paschoal, a ideia do vídeo é mostrar as diversas opções turísticas do país e que, mais do que nunca, estão de braços abertos para os brasileiros. “Nosso objetivo com a campanha é fazer com que, quando as indivíduos se sintam seguras para viajar de novo, elas optem por viagens pelo seu país, pela sua região e que assim ajudem a impulsionar o turismo brasileiro e a economia nacional como um todo”, destacou.

RETOMADA – Iniciativas organizadas pelo Ministério do Turismo também miram a volta à normalidade. Neste sentido, o órgão desenvolve a campanha “Não cancele, remarque!”, que busca proporcionar a manutenção de pacotes e serviços contratados e garantir a preservação de ocupações. A Pasta também lançou o selo “Turismo Responsável – Limpo e Seguro”, primeira etapa de um programa que criará protocolos de segurança sanitária e de boas práticas para cada um das áreas do segmento.

O selo integra o Plano de Retomada do Turisma nação brasileiraeiro, coordenado pelo MTur, que busca minimizar efeitos da Covid-19 e preparar o segmento para um retorno gradual. O órgão já trabalha uma série de ações para o pós-pandemia, articuladas em conjunto com os segmentoes público e privado. Além de preparar uma campanha de estímulo a viagens domésticas, o órgão pretende estruturar o turismo rodoviário, a partir da integração com outros modais de transporte, facilitando a realização de roteiros integrados por viajantes.

Veja a campanha!

Edição: Rafael Brais