Mercado de capitais pode ser um forte aliado em projetos de concessões, afirma ministro da Infraestrutura

Durante live, Tarcísio Freitas, conversou com analistas financeiros sobre as ações desenvolvidas pelo MInfra para atrair investidores

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, participou na tarde desta quinta-feira (25) de uma live promovida pelo canal Dica de Hoje Research, especializado em consultoria financeira. Tarcísio falou sobre como as ações do MInfra estão promovendo uma transformação no ambiente regulatório de concessões e modernizando as relações com investidores privados.

Uma das perguntas feitas pelos mediadores durante o bate-papo foi como o mercado de capitais pode ser um aliado do programa Pró-Brasil. Tarcísio explicou que aposta muito neste mercado e que ele já vem participando efetivamente em projetos de concessão anteriores. Segundo ele, essa aproximação vem se dando graças às mudanças que o MInfra vem fazendo na formulação dos editais. “Passamos a adotar novas práticas que possam ser de comum acordo entre as partes envolvidas. Primeiramente, elegemos a qualidade dos projetos baseado no cálculo demanda/investimento, além de criarmos mecanismos de mitigação de riscos. E também passamos pela mudança de estratégia do BNDES, que passou a assumir mais riscos na fase inicial dos projetos”, explicou o ministro.

O tema sustentabilidade também foi levantado na live. Tarcísio declarou que esta é uma preocupação constante do ministério. “É fato que os próximos fluxos financeiros estarão atrelados a questões ambientais”, afirmou. Dessa forma, ele explicou que o ministério estrutura o primeiro programa da América Latina de certificação de títulos verdes para investimentos em ativos de infraestrutura de transportes. O programa, focado inicialmente em ferrovias, é fruto da parceria com o Climate Bond Initiative (CBI), organização inglesa especializada em selos verdes) e visa à certificação para captação de recursos para investimentos em projetos mais sustentáveis.

O ministro falou, ainda, sobre reequilíbrio da matriz de transportes – com foco em projetos na área de cabotagem, ferrovias e hidrovias – prorrogação antecipada de contratos de concessão, marco ferroviário e melhorias na regulação de concessões para atração de mais investimentos privados.

Assista à íntegra da live: https://www.youtube.com/watch?v=1ORoDBvajsg

 

Assessoria Especial de Comunicação
Ministério da Infraestrutura