RONDÔNIA – Tem início distribuição de cestas a famílias indígenas

Teve início nesta semana o transporte pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) das cestas de alimentos que serão distribuídas a famílias indígenas no estado. A ação é realizada em conjunto com o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH) e a Fundação Nacional do Índio (Funai). As primeiras unidades serão entregues para a coordenação da Funai no município de Cacoal, onde serão distribuídas 1.040 cestas. Ao todo, estão sendo confeccionadas 9.152 cestas, que serão distribuídas pela Funai a 4.576 famílias indígenas situadas no estado, no Acre e no Amazonas.

Além de Cacoal, os produtos serão entregues a indígenas atendidos pelas coordenações regionais da Funai de Rondônia em Porto Velho, Guajará Mirim, Ji-Paraná e Alta Floresta. Já no Acre, a regional da Conab em Rondônia auxiliará no atendimento aos indígenas de Rio Branco e da cidade de Cruzeiro do Sul, na qual já foram remetidas 696 cestas para a Funai deste município. No Amazonas, por sua vez, serão contempladas as famílias localizadas em Humaitá.

A operação da montagem das cestas está sendo realizada em parceria conjunta com a Defesa Civil, o Corpo de Bombeiros Militar, a Coordenadoria da Juventude da Secretaria de Estado de Justiça e os Bombeiros Civis, que disponibilizaram mão de obra para a execução da tarefa de forma a garantir celeridade no atendimento às famílias. Com isso, a expectativa da Conab é que todas as entregas para a Funai sejam finalizadas até o dia 6 de julho.

Cada cesta é composta por 22 kg de produtos alimentícios, sendo:  10 kg de arroz, 4 kg de feijão, 1 kg de macarrão, 1 kg de flocos de milho , 1 garrafa de óleo de soja de 900 ml, 2 kg de farinha de mandioca, 2 kg de açúcar e 1 kg de leite em pó.

Os alimentos foram adquiridos pela Conab por meio de leilões de compra, com recursos do MMFDH. Além da compra, a Companhia recebeu os produtos, montou e distribuiu. Os ítens foram recepcionados na Unidade Armazenadora da Companhia em Porto Velho, onde também foram montadas as cestas.

A ação é uma medida do governo federal que visa disponibilizar alimentos aos indígenas e quilombolas em situação de vulnerabilidade em relação a sua segurança alimentar e nutricional em face da pandemia do coronavírus (COVID-19).

Mais informações para imprensa:
Gerência de Imprensa
(61) 3312-6338/ 6344/ 6393/ 2256
O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.