Servidores da Penitenciária Estadual de Porto Alegre participam de ciclos de prevenção à Covid-19

Servidores penitenciários da Penitenciária Estadual de Porto Alegre (Pepoa) participam de ciclos de orientações sobre medidas de prevenção à Covid-19. A iniciativa faz parte do projeto Diálogo Diário e Segurança (DDS).

Os encontros, sobre a prevenção contra o coronavírus ocorrem diariamente, entre as trocas dos plantões de trabalho dos servidores. A ideia é que todos recebam as informações da pandemia.

Entre os temas abordados, está o uso adequado dos equipamentos de proteção individual (EPIs), como a máscara facial. Além disso, a importância do distanciamento em locais como o refeitório e o não compartilhamento de chimarrão.
O preenchimento de um questionário de saúde e a aferição de temperatura no ingresso de todos os servidores, e também do público externo, estão na programação do ciclos de prevenção da doença.

Conforme a coordenadora técnica da 10ª Delegacia Penitenciária Regional (DPR), Silvana Porciuncula, existe a possibilidade de ampliar o projeto para servidores das demais casas prisionais da região, que não tenham Unidade Básica de Saúde (UBS).

Além dessas ações com ols servidores, a prevenção inclui a participação de apenados, selecionados pela equipe técnica da Pepoa, para a pulverização das áreas de risco e produção de máscaras na oficina de costura da penitenciária, que é destinada aos servidores da Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe).

O DDS é executado pela técnica de enfermagem Janaína dos Santos e pela enfermeira Luciana Gonçalves, da UBS da Pepoa. A iniciativa tem a supervisão da responsável técnica, enfermeira Ana Francisca, e conta com o apoio da direção do estabelecimento prisional e com o incentivo da 10ª DPR.

Texto: Neiva Motta/Ascom Susepe
Edição: Secom