Fiscalização é feita em diversos bairros de Lajeado no fim de semana

Praças e parques foram fiscalizados, além de estabelecimentos comerciais Foto: Divulgação Praças e parques foram fiscalizados, além de estabelecimentos comerciais

Para conter a disseminação do coronavírus em Lajeado, as equipes de fiscalização da Prefeitura de Lajeado percorreram diversos bairros a fim de vistoriar estabelecimentos comerciais e locais públicos para a adoção das medidas determinadas pelos decretos estadual e municipal.  

Sexta-feira

Na noite de sexta-feira (31/07), fiscais da Secretaria do Planejamento (Seplan), da Secretaria do Meio Ambiente (Sema) e do Departamento de Trânsito, acompanhados por agentes da Polícia Civil e Brigada Militar, fiscalizaram estabelecimentos localizados nas vias Bento Gonçalves, Francisco Oscar Karnal, João Abott, Alberto Torres, Júlio de Castilhos, Senador Alberto Pasqualini, Avelini Talini, Alberto Müller, Sabiá, Coelho Neto, Piraí, Expedicionários do Brasil, Leopoldo Heineck, Acvat, 25 de Julho, Benjamin Constant, Paulo Schlabitz e Pedro Albino Müller. Além disso, a Praça da Matriz também foi vistoriada com o objetivo de evitar aglomerações. Lojas de conveniência de bebidas estavam sem movimento, enquanto diversos estabelecimentos encontravam-se fechados, respeitando o horário limite das 23h para fechar. 
 

Um estabelecimento na Av. Senador Alberto Pasqualini foi notificado por ser flagrado com aglomeração, não respeitando o número de pessoas por mesas e o espaçamento entre as mesas. Já na Av. Avelino Talini o proprietário de um estabelecimento solicitou a presença dos fiscais pois seus clientes não estavam respeitando as regras de distanciamento, além de consumirem bebidas alcoólicas em passeio público, o que está proibido durante a pandemia. Tanto o proprietário quanto os clientes foram orientados pelos fiscais. 

Nas avenidas Benjamin Constant, Senador Alberto Pasqualini e Alberto Müller, um total de quatro estabelecimentos foram flagrados abertos após as 23h. Tanto os proprietários quanto os clientes foram orientados sobre o regramento a ser adotado, sendo que os fiscais deixaram os estabelecimentos somente após estes fecharem. 

Sábado

No sábado (01/08), fiscais da Secretaria do Planejamento (Seplan), da Secretaria do Meio Ambiente (Sema) e do Departamento de Trânsito, acompanhados por agentes da Polícia Civil e Brigada Militar, fiscalizaram a Praça da Matriz, no centro, bem como fiscalizaram estabelecimentos localizados nas vias Bento Gonçalves, Francisco Oscar Karnal, João Abott, Alberto Torres, Júlio de Castilhos, Senador Alberto Pasqualini, Emílio Abichequer, Hermes da Fonseca, Fábio Brito de Azambuja, João Goulart, Paulo Emílio Thiesen, Benjamin Constant, Sete de Setembro e Santos Filho.

No entorno de um posto de gasolina no centro da cidade, pessoas consumindo bebidas alcoólicas foram alertadas quanto à proibição da prática. Em uma cancha de bocha no Bairro São Cristóvão, verificou-se bastante movimento, com aglomeração. Um veículo foi recolhido pelo IPVA não ter sido pago. 

Um mini mercado no Bairro Centenário teve três caça níqueis apreendidos. Uma cancha de bocha no Bairro Conventos foi flagrada com movimento intenso e aglomerações. Nos locais, tanto os clientes quanto os proprietários foram orientados quanto à proibição de aglomerações. 

No bairro Moinhos e no Jardim do Cedro dois bares foram flagrados com grandes aglomerações. Nos dois locais, clientes e proprietários foram orientados quanto à proibição de aglomerações. Um supermercado no centro da cidade não fazia o controle de entrada de clientes, e uma lancheria na Av. Senador Alberto Pasqualini foi flagrada com pessoas aglomeradas nas mesas, que também não continham o distanciamento determinado. Tanto clientes quanto proprietários foram orientados quanto ao regramento que deve ser observado. 

Domingo

No domingo (02/08), parques e praças do município foram visitados pelos fiscais, a fim de fiscalizarem situações envolvendo aglomerações e não uso de máscaras. As áreas de lazer fiscalizadas localizam-se nos bairros Centro, Moinhos, Jardim do Cedro, São Cristóvão, Universitário, Americano, Conventos, Florestal e Hidráulica. 

Seis estabelecimentos foram fiscalizados, sendo eles quatro bares com cancha de bocha, um restaurante e um ambulante. Um estabelecimento em Conventos recebeu auto de infração com multa por aglomeração, não fixar cartaz informando o número máximo de clientes que podem ser atendidos simultaneamente, além de não respeitar o distanciamento mínimo de dois metros em as mesas. Dois estabelecimentos foram alvo de ação policial, com lavramento de Termos Circunstanciados, uma vez que um deles possuía máquinas caça níqueis em funcionamento e outro porte de arma sem autorização legal. 

À noite, as equipes de fiscais verificaram denúncias de festas e aglomeração nos bairros Centro, Americano, Florestal, São Cristóvão, Universitário, Montanha, Moinhos d’Água e Moinhos. 

No balanço das ações do fim de semana, contabiliza-se 116 estabelecimentos vistoriados, sendo que ocorreram três notificações, além de outros três autos de infração com previsão de multa. 

Créditos: Assessoria de Imprensa PML