Campo Bom dá continuidade às ações de educação empreendedora

Integrante do programa Cidade Empreendedora promovido pelo Sebrae RS, Campo Bom iniciou nesta semana as ações para reforçar ainda mais a formação continuada e o suporte pedagógico dos professores nesses novos tempos de aprendizado. No dia 22 de setembro, começaram as oficinas online que integram o curso de Letramento Digital e Criativo. Um grupo de 50 professores do Ensino Fundamental da rede municipal de ensino participa das atividades que são divididas em módulos. São professores do laboratório de informática, da aprendizagem criativa e de educação em tecnologia.

As oficinas mostram aos professores, de maneira simples e com uma abordagem direta, como podem aplicar metodologias ativas em suas práticas de ensino, alinhadas à BNCC (Base Nacional Comum Curricular), e com suporte das ferramentas que compõem o ecossistema educacional do Google. A analista de Articulação Territorial do Sebrae RS, Paula Nicolini, explica que as ações fazem parte de um dos eixos do programa Cidade Empreendedora e dão continuidade às atividades realizadas no início de março.

Na ocasião, diretores e professores do município participaram de duas capacitações (Workshop Professor Empreendedor e Princípios da Educação Empreendedora e Oficina de Ecossistema de Educação Empreendedora), com foco no desenvolvimento do espírito empreendedor, para posterior aplicação com os alunos. Agora, no período de 22 a 25 de setembro foi abordado o tema Introdução a Metodologias Criativas. Já as Ferramentas do Google para Professores estão programadas de 29 de setembro a 02 de outubro, enquanto o módulo sobre Design de Atividade e a BNCC será promovido de 06 a 09 de outubro.

Sobre o Cidade Empreendedora

O Programa Cidade Empreendedora é uma iniciativa inédita no Rio Grande do Sul para engajar gestores e servidores públicos na melhoria do ambiente de negócios e na promoção das políticas públicas para o apoio e fortalecimento do empreendedorismo nos municípios, respeitando suas realidades. O programa tem como objetivo a transformação local, visando impulsionar o desenvolvimento econômico como um todo, com a potencialização e institucionalização de alguns capítulos da Lei Geral da Micro e Pequena Empresa

A iniciativa promove a implantação de políticas de desenvolvimento por meio de 10 eixos: os Priorizados: Liderança, Desburocratização, Compras Governamentais e Educação Empreendedora; e os Personalizados: Plano de Desenvolvimento Econômico, Valorização das Empresas Locais, Fomento ao Crédito, Inovação, Turismo e Inspeção Municipal.

Créditos: Sebrae RS