Congresso acadêmico internacional encerra Festival de Cidadania Digital

0 0
Read Time:2 Minute, 6 Second

O I Congresso de Cidadania Digital, que começou nessa segunda-feira, 23/11, irá encerrar o Festival de Cidadania Digital, que teve início na primeira semana de novembro. O evento vai até a sexta-feira, 27/11, e conta com atividades online e gratuitas. A Unisinos terá participação no congresso nos dias 25 e 26/11, quarta e quinta-feira.

Pós-Cidades e Redes de Cidadania

Na quarta-feira, 25/11, às 11h, acontece a sessão de conversação sobre o tema das Pós-Cidades e Redes de Cidadania. A atividade será coordenada pela professora da Escola de Humanidades da Unisinos, Eliane Schlemmer, e pela doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Educação, Janaína Menezes. O debate contará com a presença dos professores Saulo Eduardo Ribeiro, que é egresso do PPG Edu da Unisinos, Rodrigo Manoel Dias da Silva, coordenador do PPG em Educação da Universidade, Daniel de Queiroz Lopes, do PPG em Educação da UFRGS, Eglaísa Micheline Cunha, que trabalhou no Ministério da Cidade e atualmente atua no MEC, e do professor Diego Alfonso Erba, que também foi professor na Unisinos e, atualmente, é associado do Instituto Lincoln, em Boston, na área de política fundiária.

“A proposta é criar um espaço de compartilhamento, experimentação, discussão e reflexão que nos permita formular uma concepção de cidade e cidadania atualizada pelas recentes transformações da nossa condição habitativa, seja pela crise ecológica, pelo advento das tecnologias digitais ou, mais recentemente, pela necessidade em se adaptar ao contexto de uma pandemia”, explica Eliane.

Segundo a doutoranda Janaína, a cidade é compreendida como uma entidade viva, complexa, agente e comunicativa, um entrelaçamento de todas as dimensões que lhe dão forma, local do encontro não só entre as pessoas, mas entre vários tempos, espaços, saberes, tecnologias, produtos, tradições e culturas. “Não está fora de nós, está para além de residir ou habitar geograficamente um determinado território físico, tampouco pode ser compreendida como um objeto que nos serve. Entender a cidade como algo vivo propicia a visão de um diálogo em rede com diferentes entidades biológicas, físicas e digitais”, destaca a professora.

Cidadania digital

Na quinta-feira, 26/11, às 19h, acontece a mesa-redonda “Cidadania digital: plataformas e ecologias digitais repensando a educação nos contextos online”, com Mario Pireddu (UNITUS – Itália), Genivaldo Monteiro (UEPB) e Beatrice Bonami (ATOPOS/ USP), mediada pela professora da Unisinos, Eliane Schlemmer.

O evento, promovido pelo Centro de Pesquisa Atopos ao longo de todo o mês de novembro, ainda está com inscrições abertas. Para participar dessas e de outras atividades, clique aqui.

– Saiba Mais!

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %