TecExperience debate as competências exigidas pela transformação digital

0 0
Read Time:3 Minute, 40 Second

Fomentar a criatividade e habilidade dos alunos. Esse é o principal objetivo do TecExperience, realizado pela Unisinos entre os dias 16/4 e 14/5, às sextas-feiras. Essa foi a primeira edição do evento, uma atividade experiencial voltada para alunos dos novos cursos tecnológicos da Universidade.

“A ideia era promover a interação entre alunos e profissionais de empresas que atuam em diferentes setores do mercado”, explica Margrit Krug, coordenadora dos cursos de Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Sistemas para Internet e Banco de Dados. Ela e André Marques, coordenador do curso de Design de Produto, lideraram um grupo de professores na organização da atividade.

Além de palestras e bate-papos, os alunos participaram de um desafio proposto por professores e profissionais. Os resultados foram analisados por uma banca avaliadora, que escolheu o grande vencedor. O trabalho campeão foi premiado com um troféu exclusivo. “É um evento estilo hackathon, e a gente vê que os estudantes adoram”, comenta Margrit. Segundo ela, os alunos se sentem valorizados e conectados ao que estão estudando, pois têm a oportunidade de se envolver com o mercado de trabalho já no início da graduação. “Tudo isso acaba dando uma boa motivação para eles”, avalia a professora.

Rosemary Francisco, coordenadora do curso de Ciências da Computação e integrante da comissão organizadora, reforça a importância de uma atividade como o TecExperience: “Esse tipo de evento proporciona uma aproximação forte entre a academia e as organizações, trazendo uma riqueza de informações e de conhecimentos sobre os desafios destas empresas e do ambiente atual de trabalho”, observa a professora, que vê ainda outro aspecto positivo: “Também possibilita a integração entre alunos de diferentes cursos, gerando um ambiente multidisciplinar e com características que incentivam o pensar divergente, levando às inovações”.

A estreia, ou “Dia 1”, em 16/4, foi marcada por um bate-papo com profissionais da Pmweb, de Porto Alegre. O assunto debatido foi “como aplicar a transformação digital na vida real? Exemplos de bons matches aplicados ao varejo”. Na sexta-feira seguinte, em 23/4, o “Dia 2” teve uma conversa com os professores Bruno Bittencourt e Carla Arena sobre quais competências devemos desenvolver para o futuro. Já no “Dia 3”, em 30/4, o encontro foi com representantes da loja Meia & Cia e da pizzaria O Artesão, ambas localizadas em Canoas. Na pauta do debate, as perspectivas pré e pós pandemia.

O desafio

Nos dois primeiros encontros, foram realizadas atividades individuais e em grupos, além de interações entre alunos e professores. No “Dia 3”, os estudantes receberam o briefing do grande desafio do TecExperience: solucionar problemas na Meia & Cia, identificados pela proprietária, Juliana Guterres. A missão foi dividida em quatro desafios, em que os alunos poderiam escolher em quais trabalhar.

Os desafios foram separados nas categorias de Planejamento, Pessoas, Tecnologias e Processos. Divididos em oito grupos, os estudantes deveriam criar uma proposta para solucionar o problema escolhido, apresentando um pitch para a banca avaliadora e para a empresária. Na mentoria dos grupos, participaram os professores Margrit Krug, Josiane B. Porto, Maura Flores e Vanessa Batisti.

O grupo vencedor do desafio foi o formado por Eduardo Matias, Gabriel Herzer Koche, Henrique Marangoni Guimarães, Leandro Campos Miranda, Pablo Fernando dos Santos, Tais Brambilla e Valentina Muratone Salvador. Cada aluno receberá um troféu projetado e “impresso” em formato 3D, além de um vale-presente da loja Meia & Cia.

Pablo conta que ficou entusiasmado com o seu grupo. “Foi o encontro mais sensacional desse semestre. Criamos o Vestuário Online como proposta ao desafio de tecnologia. Tivemos uma conexão bem massa. A gente conseguiu, apesar do nervosismo da apresentação do pitch, nos divertir a cada aula ao fazer o projeto”, revela o estudante, que já está criando expectativas para a próxima edição. “A disciplina tem uma proposta muito boa e bem imersiva. Eu tenho certeza que vou levar esse aprendizado para o resto da minha vida. Isso tudo acabou criando uma expectativa de como serão os próximos TecExperience”, destaca o aluno.

Além de Margrit Krug, André Marques e Rosemary Francisco, ajudaram na organização do evento os professores Tiago Ricciardi, Cristiane Schnack, Emmanuelle Smaniotto e Bruno Bittencourt. O TecExperience é uma Atividade Acadêmica dos currículos dos novos cursos tecnológicos da Unisinos. Para os alunos que já estão com saudades dos encontros e do desafio, fica o recado: no próximo semestre, tem mais! Confira aqui imagens de momentos do primeiro TecExperience.

– Saiba Mais!

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %