Pep Guardiola desiste de um novo atacante no City

0 0
Read Time:1 Minute, 30 Second

OLI SCARFF / AFP Pep Guardiola é técnico do Manchester City OLI SCARFF / AFP

Pep Guardiola disse na saída de Agüero que o Manchester City não buscaria um novo goleador. Mudou de opinião com as possibilidades de acerto com Harry Kane e Cristiano Ronaldo. A frustração nos negócios fez o espanhol admitir neste sábado que o clube não deve fechar com um novo atacante para esta temporada. Seu discurso é que “está satisfeito” com o time.

Kane afirmou durante a semana que seguiria no Tottenham, para tristeza de Guardiola. O técnico acreditava que o City conseguiria fechar o negócio e contava com o inglês na sua equipe. O plano B era Cristiano Ronaldo. Mas com histórico no rival United e sem muito clima para fechar com o City, o astro português optou por “voltar para casa.”

Desta maneira, Guardiola foi enfático ao responder se ainda acredita na contratação de um novo atacante. “Acho que não. O time fez uma campanha magnífica na última temporada e nós somos os mesmos, mais o Jack (Grealish), e vamos ficar assim”, afirmou, resignado.

O conformismo do treinador tem dois motivos: a equipe manteve a força nessa largada de temporada e Ferran Torres e Gabriel Jesus vêm mostrando ótimo desempenho no campo, mostrando que podem ser opções na frente.

O brasileiro, além de gols, está dando boas assistências escalado como ponta aberto pela direita. Neste sábado serviu Gundogan e deixou sua marca. Por outro lado, o jovem espanhol Ferran Torres vem marcando seguidamente e arrancando elogios de Guardiola. Fez dois contra o Arsenal e um diante do Norwich.

“Ele é um bom finalizador, é tão jovem. O Manchester City fez um trabalho incrível ao comprá-lo. Ferran faz movimentos como os melhores atacantes, correndo por trás, como Jamie Vardy”, comparou Guardiola, lembrando do atacante do Chelsea.

– Curta e Compartilhe!

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %