Grafite desabafa sobre gestão do Santa: ‘Não é da bola’

0 0
Read Time:2 Minute, 0 Second

Com o rebaixamento do Santa Cruz para a série D do Brasileirão cada vez mais próximo, Grafite decidiu se pronunciar sobre a situação do clube. Apoiador da chapa ProSanta, que elegeu o presidente Joaquim Bezerra, o ex-jogador e ídolo do tricolor usou as redes sociais nesta quarta-feira (15) para afirmar que “gestão não é da bola”.

Em publicação no Instagram, Grafite exaltou o clube e falou sobre o apoio que deu a atual chapa no comando do Santa Cruz, ProSanta. O ex-jogador contou que continua apoiando a ideia de reestruturar o clube, mas admitiu o erro na questão estrutural do futebol. “Eu acredito na gestão a respeito de recuperar o clube, mas tenho que dizer que esta mesma gestão não estava preparada para gerir o futebol do clube e agora estamos nesta situação delicada, prestes a cair para série D do futebol nacional”, iniciou.

Sem citar “A ou B”, Grafite apontou o principal erro da ProSanta. “Realmente, essa gestão não é “da bola”, como dizem no linguajar futebolístico. Não conseguiram gerir o futebol do clube e a montagem da direção e elenco da temporada, o que foi crucial para o resultado horrível dentro de campo”.

O ex-jogador explicou que escreveu o texto porque alguns dizem que ele abandonou o clube, mas mesmo tendo rejeitado proposta para fazer parte da equipe que iria montar a estrutura do futebol, sempre esteve aberto a ajudar no que fosse necessário. “Senti que não era a hora de voltar”, declarou.

Grafite fez questão de destacar sua história como jogador do Santa Cruz e o carinho que guarda pelo clube.  “Fui jogador do Santa como outras centenas de jogadores e ex-jogadores foram, tenho um respeito e carinho enorme pelo clube e lamento muito essa situação! Tenho certeza que iremos voltar a triunfar e ter aquele sentimento que já tivemos inúmeras vezes, com grandes equipes e conquistas!”, desabafou.

Finalizando o craque declarou torcida para as coisas melhorarem e disse a forma. “Momento pede união e apoio ao clube”, concluiu.

A fala do craque foi aplaudida nos comentários por outros ex-jogadores tricolores que marcaram história no clube, entre eles Ricardo Rocha, Renatinho, Thiago Cunha e Daniel Costa. “Isso mesmo Grafa. União é a tecla que bato sempre, não pode o ego ser maior que a instituição. Tenho certeza que o clube voltará aos trilhos certos”, escreveu Renatinho.

– Curta e Compartilhe!

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %