Sema-Fepam lançam prêmio de jornalismo para valorizar as boas práticas ambientais

0 0
Read Time:2 Minute, 21 Second

A Secretaria do Meio Ambiente e Infraestrutura (Sema) e a Fundação Estadual de Proteção Ambiental (Fepam), com a parceria da Secretaria de Comunicação (Secom), lançaram, na manhã desta quinta-feira (16/9), o prêmio Sema-Fepam de Jornalismo Ambiental 2021. A premiação vai reconhecer as melhores produções jornalísticas sobre boas práticas ambientais no Rio Grande do Sul.

Os profissionais vão poder inscrever seus trabalhos dentro dos seguintes microtemas:

• processos ambientalmente sustentáveis na indústria, comércio ou na agropecuária;
• energia limpa;
• preservação das espécies nativas do RS;
• ações para reduzir as mudanças climáticas;
• educação ambiental e pandemia;
• gestão de resíduos e reciclagem;
• gestão de recursos hídricos.

No lançamento do prêmio, que ocorreu em café da manhã com a imprensa no Galpão Crioulo do Palácio Piratini, a secretária de comunicação, Tânia Moreira, destacou a importância do reconhecimento da atividade jornalística. “Especialmente neste momento de tanto ódio espalhado pelas redes sociais, é importante reconhecer a comunicação feita com seriedade, que esclarece e enfrenta as fake news. E o tema do meio ambiente, que é o foco deste prêmio, é algo que precisamos olhar com cada vez mais atenção”, disse a secretária.

51483082426 89b491b7ed k
Lançamento para a imprensa foi em café da manhã no Galpão Crioulo do Palácio Piratini – Foto: Felipe Dalla Valle / Palácio Piratini

O secretário do Meio Ambiente e Infraestrutura, Luiz Henrique Viana, também destacou o incentivo da boas práticas por meio da divulgação. “Vivemos em um momento em que as preocupações ambientais estão em foco no mundo todo, e a preservação é algo que se trabalha no dia a dia da Sema. Entendemos que os jornalistas, que transmitem esta mensagem de preocupação com a preservação, precisam estar conosco. Por isso um prêmio para incentivar a transmissão dessa mensagem de boas práticas para as pessoas”, afirmou o secretário.

Para a presidente da Fepam, Marjorie Kauffmann, o prêmio, que tem recursos oriundos do Fundo Estadual do Meio Ambiente , é uma maneira de dar visibilidade aos bons exemplos de práticas ambientais já divulgados pela mídia. “Assim, podemos replicar esses exemplos já executados em diversas partes do Estado, e mostrar o que é possível fazer”, afirmou.

As inscrições estão abertas e vão até as 23h59 do dia 10 de novembro de 2021, por meio do formulário disponível no portal do prêmio – www.sema.rs.gov.br/premiojornalismoambiental. Neste mesmo site também serão divulgados os finalistas, em 30 de novembro. A cerimônia de premiação está prevista para dezembro.

Podem ser inscritas produções nas categorias jornalismo impresso, webjornalismo, fotojornalismo, radiojornalismo/podcast, telejornalismo ou jornalismo universitário. Os vencedores de cada categoria serão premiados com R$ 5 mil para o primeiro lugar e R$ 3 mil para o segundo lugar.

A iniciativa conta com o apoio institucional da Associação Riograndense de Imprensa (ARI) e da Associação Gaúcha de Emissoras de Rádio e Televisão (Agert).

Texto: Thamíris Mondin
Edição: Marcelo Flach/Secom

– Leia Mais!

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %