Confira as maiores curiosidades da vida de Maradona

0 0
Read Time:2 Minute, 27 Second

Hoje completa-se um ano da morte do maior ídolo do futebol argentino e um dos maiores jogadores do mundo, Diego Maradona. O craque continua cercado de polêmicas, principalmente com relação a sua família e advogados. A mais recente envolve seus direitos de imagens com o jogo Fifa 22, o advogado da família afirma que quem fechou o acordo de imagens com a EA não foi uma pessoa autorizada, e sim um amigo da família. Por isso, o LeiaJá preparou um conteúdo com as maiores polêmicas ou curiosidades que cercaram Maradona, enquanto em vida, fora das quatro linhas:

Maradona foi um craque dentro de campo, mas fora dele vivia uma vida de “Rockstar”. Em 1991, o craque argentino atuava pelo Napoli, da Itália e foi pego no exame antidoping após a partida contra o Bari. O exame constatou vestígios de cocaína no sangue do atleta. Com isso, Maradona foi suspenso pela FIFA por 15 meses.

Após isso, ainda em 1991, o argentino foi preso em Buenos Aires por porte e consumo de drogas. O jogador passou uma noite detido e foi liberado após pagar fiança.

Maradona confessou que começou a consumir drogas na sua passagem pelo Barcelona, em 1982. A partir disso, a carreira do jogador ficou “manchada”. Em 2000, o ídolo argentino iniciou um tratamento contra a sua dependência química em Havana (Cuba), após sofrer uma parada cardíaca.

A idolatria do povo argentino a Maradona se estendeu à religião. A Igreja Maradoniana foi criada em homenagem ao craque argentino e possui seguidores na Argentina, Espanha e México. Além disso, a data de aniversário do craque é considerada o Natal para os seguidores da religião.

Em 2005, Maradona recebeu um programa televisivo na Argentina. Chamado de “La Noche Del 10”, o craque argentino se apresentava para o Canal 13 da Argentina. O jogador entrevistou na época grandes figuras públicas, como Pelé, Mike Tyson, Fidel Castro, Xuxa e Messi.

Visto como os dois maiores jogadores da história, eles muitas vezes são comparados. Pelé e Maradona tiveram uma relação amigável nos últimos anos de vida do argentino, mas nem sempre foi assim.

Maradona apontava que Pelé havia se vendido à FIFA e fazia fortes críticas à instituição máxima do futebol. Além disso, o craque argentino já disse que Pelé “deveria voltar para o museu”.

– Maradona e Lula

Maradona possuía um forte interesse político e uma simpatia pelas ideologias de esquerda. Fidel Castro tinha uma forte amizade com o craque argentino, Maradona chegou a dizer que Fidel era como um segundo pai para ele e possuía uma tatuagem com a imagem de Fidel. Além disso, Maradona e Fidel Castro morreram na mesma data,  25 de novembro.

Com isso, Maradona revelou apoio ao ex-presidente Lula em diversas ocasiões. Em 2018, o craque argentino foi a público apoiar o ex-presidente Lula,  após ter tido seu mandado de prisão expedido.

Tópicos: 

– Curta e Compartilhe!

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %