Centro de Referência em Atendimento à Mulher (CRAM) de Lajeado e Junta Militar estão em novo endereço

0 0
Read Time:2 Minute, 52 Second

O Centro de Referência em Atendimento à Mulher (CRAM) de Lajeado e a Junta Militar, setores vinculados à Secretaria Municipal de Segurança Pública (SESP), estão em novo endereço. Agora, os serviços estão localizados na rua Júlio May, 546, bairro Centro, próximo ao Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) Centro. Neste momento, as equipes estão trabalhando na organização do novo espaço. O atendimento ao público será retomado na segunda-feira, 03/01.

A casa que abriga os dois serviços foi alugada pelo município com o objetivo de oferecer um espaço mais amplo e aconchegante, especialmente às mulheres vítimas de violência que são atendidas no CRAM. O espaço destinado ao CRAM conta com salas individuais, salas para equipe multidisciplinar, como também sala de reuniões e para encontros com as usuárias. O CRAM também conta com uma brinquedoteca, um espaço lúdico destinado às crianças. Outra sala foi destinada à Junta Militar, para acolher os jovens que solicitam documentos comprobatórios militares.

A coordenadora e assessora jurídica do CRAM, Ana Maria Lazzaron Pereira, comemora a mudança.

– O novo espaço contribui para um atendimento mais eficiente às mulheres, com mais privacidade e aconchego. O novo local é calmo, mais distante da Avenida Benjamin Constant, que é movimentada. Desta forma, acreditamos que as mulheres se sentirão mais à vontade para procurar pelo atendimento. Estamos muito felizes com a mudança – disse.

Saiba mais sobre o CRAM

O CRAM é um serviço público especializado no atendimento de mulheres em situação de violência. Oferece acolhimento, escuta, troca de vivências, de conhecimentos e informação sobre os direitos da mulher, contribuindo para o seu fortalecimento e o resgate da sua cidadania.

É um espaço estratégico de enfrentamento à violência contra as mulheres que desenvolve seu trabalho por meio de uma atuação articulada com instituições que integram a Rede de Enfrentamento à Violência contra a Mulher de Lajeado, em conjunto com o Gabinete de Gestão Integrada (GGI) do Pacto Lajeado Pela Paz e da Secretaria Municipal de Segurança Pública. 

O CRAM atende mulheres por demanda espontânea ou por encaminhamento de algum serviço antes ou depois que a vítima procura a Polícia Civil ou Militar.

Telefone e WhatsApp do CRAM: 3982-1460 ou (51) 98048-3256

Horário de funcionamento: de segunda a quinta-feira das 8h às 11h30 e das 13h30 às 16h45. Na sexta-feira das 8h às 14h.

 

Saiba mais sobre a Junta Militar

A Junta de Serviço Militar é o órgão responsável por disponibilizar aos interessados os documentos comprobatórios militares, funcionando como ponte entre a comunidade e o Exército Brasileiro. Entre os documentos expedidos pelo órgão estão o alistamento militar e certificados de reservista, de dispensa de incorporação, de isenção e certidão de tempo de Serviço Militar. 

Além disso, também é responsável pelos encaminhamento ao Posto de Recrutamento e Mobilização de Porto Alegre de processos de retificações de dados cadastrais, arrimos de família, notoriamente incapaz, adiamento de incorporação, reabilitação, serviço alternativo, recusa à prestação do Serviço Militar Obrigatório, anulação de exibição, entre outros.

A Junta Militar de Lajeado também organiza os processos dos conscritos para inspeção de saúde geral até a o dia do embarque ao Quartel de São Gabriel 9 ° Regimento de Cavalaria Blindado.

Telefone: (51) 3982-1027

Horário de atendimento: de segunda a quinta-feira das 7h30 às 11h30 e das 12h30 às 16h30. Na sexta-feira das 7h30 às 14h.

Créditos: Assessoria de Imprensa PML

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %