Em Nova Petrópolis, comitiva busca referências para o turismo de Encantado

0 0
Read Time:4 Minute, 29 Second

Uma comitiva de Encantado esteve em Nova Petrópolis para uma série de visitas técnicas a atrativos turísticos do município. A viagem, organizada pela Associação Comercial e Industrial de Encantado (ACI-E), ocorreu na terça-feira, dia 30, e contou com a parceria da Associação Comercial e Industrial de Nova Petrópolis (ACINP), responsável pela organização do roteiro.

Os locais visitados foram a Cervejaria Edelbrau, o Parque Ninho das Águias, o Esculturas Parque Pedras do Silêncio, a empresa de cicloturismo Pedalando no Sul e o Parque Aldeia do Imigrante. Ao meio-dia, o grupo almoçou com o prefeito Jorge Darlei Wolf e representantes da Secretaria de Turismo e do Conselho Municipal de Turismo.

Conforme a presidente da ACI-E, Maria Cristina Castoldi, o objetivo foi buscar referências sobre a evolução turística da cidade, assimilar os desafios e as ações que contribuíram nas conquistas que hoje colocam Nova Petrópolis como um destino turístico dos mais procurados no Rio Grande do Sul. “Segundo as informações que nos foram repassadas, a governança, as parcerias público-privadas e o Programa de Desenvolvimento Local (Nova 2050) foram fatores preponderantes para integrar a comunidade, o poder público e as lideranças empresariais e agregar força ao setor turístico de Nova Petrópolis”, comenta.

Maria Cristina constatou que os enfrentamentos e mecanismos utilizados para fomentar o turismo, atrair e satisfazer os turistas na cidade da serra gaúcha são similares aos adotados por Encantado. “É um indicador que estamos na direção certa, porém, ainda temos muito trabalho pela frente, sobretudo, em desenvolver uma cultura voltada ao turismo, ter mão de obra qualificada e encontrar objetivos comuns dos agentes envolvidos no ecossistema do turismo”, acrescenta a empresária.

Avaliação
Integrantes da viagem a Nova Petrópolis descrevem o que mais chamou atenção nas visitas técnicas e nos diálogos com as lideranças locais. “Nova Petrópolis nos mostrou que estamos no caminho certo, mas será essencial a integração de todos os segmentos: público, privado e associativo, dentro de um propósito maior que é o crescimento do nosso município e região”, Glória Villa, presidente do COMTUR de Encantado e proprietária do Vivendas Altos da Glória.

“Essas visitas técnicas são fundamentais, pois vemos na prática o que deve ser feito e, com isso, encurtamos caminhos. Vimos que estamos no caminho certo e que as ações do Departamento de Turismo de Encantado são as mesmas que fazem parte do Plano Municipal de Turismo de Nova Petrópolis. A cada dia percebemos que a união das entidades junto ao Poder Executivo é o que norteia o turismo de um município e aqui em Encantado estamos estreitando laços e olhando para a mesma direção, ou seja, enxergando Encantado como um destino turístico”, Paola Silveira, coordenadora do Departamento de Turismo da Administração Municipal de Encantado.

“Reforçou aquilo que sempre ouvimos falar: que a primeira impressão é a que fica. Tivemos a oportunidade de ouvir, questionar e entender um pouquinho mais sobre as políticas públicas voltadas para o turismo e do quão importante é a união de todos, seja da iniciativa privada ou

pública, de falar, comunicar e transmitir a mesma informação”, Karina Mezzomo, turismóloga da Associação dos Municípios de Turismo da Região dos Vales (Amturvales) e gestora do Hengu Hotel e Restaurante. “Podemos tirar uma lição importante: as ações propostas pela ACINP e pelos empreendedores estão em sintonia, destacando a identidade com as tradições locais, com muito planejamento da associação e administração municipal, participação ativa das empresas e o espírito de pertencimento da comunidade”, Ramon Osmainschi, da Madeireira Graciola.

“Foi uma experiência excelente para o nosso grupo, pois buscamos bons exemplos de como podemos melhorar e avançar cada vez mais no turismo em nosso município. Ficou claro que o crescimento acontecerá com o empenho de todos, cada um fazendo a sua parte e todos envolvidos por um bem comum que é colocar Encantado como um dos principais destinos turísticos do país”, Minéia Mussio Vian, Sicredi Região dos Vales.

“Foi uma experiência única, um aprendizado valioso. Por ser uma cidade com a mesma proporção populacional de Encantado, conseguimos entender que estamos no caminho certo e o turismo é uma cultura a ser construída por todos”, Diana Dalprá, do Empório 53. “As visitas nos proporcionaram o amadurecimento de ideias a serem concretizadas com empenho e atitudes de cada um. Acredito que estamos caminhando para um futuro turístico
brilhante”, Rúbia Delazeri, da Delazeri Shows e Eventos. “Ouvimos que o Parque Ninho das Águias, no topo da montanha, onde alçam voo praticantes de asa delta e parapente, é o atrativo turístico número 1 de Nova Petrópolis.

O local conta com infraestrutura de estacionamento, restaurante e banheiros, e recebe em média quatro mil
pessoas por mês. O Morro do Paragleider em Encantado tem potencial ainda maior, pois não temos as limitações de espaço aéreo devido à proximidade de aeroportos que tem em Nova Petrópolis. A beleza da vista de Encantado é idêntica ou ainda mais bela. Nosso município tem potencial para se tornar o polo de voo livre do RS”, Nilson Friedrich, representante da Associação Vale do Taquari de Voo Livre (AVTVL).

“Essa viagem comprovou que todos queremos o melhor para o turismo de Encantado. Entre os pontos que destacamos estão a necessidade de se intensificar a qualificação das pessoas, de trabalhar objetivos comuns, buscar o embelezamento dos produtos como forma de atrair o cliente e ficar atento aos desejos dos clientes”, Gelsir e Rene Luisa, da Castoldi & Gianisella Assessoria Empresarial

– Curta e Compartilhe!

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %